21 2529-6928
21 2103-1500

Pronokal®




A dieta proteinada Pronokal ® faz parte de um programa de tratamento para perda de peso muito diferente do métodos tradicionais.

É bastante interessante para pacientes que não tiveram sucesso com outros métodos, promovendo uma rápida perda de peso nos primeiros meses de tratamento.

Este método vem sendo realizado na Europa há alguns anos, mas só chegou ao Brasil há cerca de 1 ano.

É necessária uma avaliação clínica completa antes da indicação do método.
O objetivo, diferente do que ocorre nas dietas balanceadas, é conseguir uma grande perda de peso (cerca de 6-8Kg/mês) nos primeiros meses de tratamento, fundamental para motivar quem precisa perder bastante peso.

Existem três etapas distintas durante o tratamento:

1. Dieta proteinada de muito baixo valor calórico (suplementos proteicos e vitamínicos)
2. Fase de reeducação alimentar com ajuste escalonado do valor calórico
3. Manutenção (sem uso de suplementos alimentares – consumo diário chega a 2.200Kcal)
O conteúdo proteico diário é normal, ou seja, não é considerada hiperproteica e não sobrecarrega fígado e rins.

Proteínas de alto valor biológico são fornecidas sob a forma de preparados (Pronokal ®), e diferente do que ocorre na dieta "das proteínas", onde elas são obtidas de alimentos naturais que costumam ser ricos em gordura - tendo como opção pobre em gordura apenas a clara de ovo -, aqui os alimentos consumidos pelo paciente são ricos em proteínas, mas tem sabor e aspecto de carboidrato, o que facilita muito a adesão ao tratamento.

Como exemplo, existem opções como pão, purê, omeletes, crepes, sopas, cremes, mingau, bolo, panqueca, sucos, chá e cappuccino. Além disso, é mantido o consumo de fibras através das verduras "permitidas", e suplementos minerais e vitamínicos vão evitar a fadiga e anemia. Também é recomendado o consumo de pelo menos 2L de água ao dia. Alimentos de vários grupos alimentares são introduzidos progressivamente, entrando num processo de reeducação alimentar que será mantido em longo prazo.

Nos primeiros dias existe a sensação de fome, mas à medida que se estabelece a "cetose" onde as células de gordura são metabolizadas para fornecer energia ao corpo, ocorre uma redução do apetite e aumenta a sensação de bem estar.

Toda vez que perdemos peso perdemos massa magra, além de perder tecido gorduroso. Quando recuperamos peso aumenta a gordura corporal, mas a massa magra não se recupera...
Portanto, a cada emagrecimento há redução da massa magra e com isso também do metabolismo, o que torna cada tratamento mais difícil.

A dieta proteinada permite uma perda de grande quantidade de peso principalmente às custas de massa gorda, minimizando a perda de massa magra.

Fonte: www.pronokal.com/bra/

--
Dra Luciana Spina
Endocrinologista- Doutorado pela UFRJ
Programa de Diabetes e Hipertensão da SMSDC-RJ



Gostou ? Compartilhe !



VOLTAR