21 2529-6928
21 2103-1500

Avalie a cor da sua urina: 10 colorações e suas causas


A cor da nossa urina pode revelar grandes e sérias verdades sobre a nossa saúde! Não é pela quantidade, mas sim pela sua cor que ela indicará se estamos bebendo a quantidade certa de água por dia, se estamos com alguma infecção ou ainda algum problema mais grave! Por isso, fiz a relação de cores com as suas possíveis causas!

As cores variam desde o transparente até o preto!! E como vocês já devem imaginar, o grau de preocupação aumenta de acordo com o crescente dessas cores!

Mas, antes de se assustarem com a cor, prestem atenção no que vocês comeram ou se estão tomando algum medicamento! Alimentos ricos em betacaroteno e vitamina B, podem colorir a urina. O mesmo acontece em tratamentos com alguns antibióticos. Então, tirando essas duas vertentes, observem a persistência da cor e outros sinais, como dor ou ardência ao urinar. Nesses casos, um médico deverá ser procurado!

Já a prevenção é bem simples e todos vocês já sabem: bebam em média dois litros de água por dia. Ela vai hidratar e evitar infecções e cálculos urinários. Vale ficar atento aos sinais de que vocês estão tomando pouca água.

Vamos aos porquês!

Transparente = excesso de água
Pode não ser tão bom assim. Quando bebemos muita água, ou quando utilizamos substâncias diuréticas, os rins não dão conta e acabam permitindo a perda da água, tornando a urina muito diluída.

Amarelo palha = normal
A cor natural da urina varia de amarelo bem claro até amarelo escuro. Quanto mais escuro, mais água você precisa ingerir.

Amarelo escuro = desidratação, cistite ou uretrite
Quando estamos desidratados, os rins tendem a reter água no corpo fazendo com que a urina fique com um amarelo mais forte. Mas pode ser o caso de infecção urinária, como cistite ou uretrite. Nesse caso, a cor pode estar associada a dor, ardência e/ou urgência em urinar.

Alaranjado = hepatite
Essa cor de urina aparece em pessoas que estão com problemas no fígado, baço, nos rins ou na vesícula biliar. Normalmente o motivo é a saída, junto à urina, de uma substância amarelada encontrada na bile, chamada bilirrubina, que normalmente ocorre com quem tem hepatite.

Marrom = desidratação severa
A coloração é sinal de sangue na urina. Ele pode estar vindo dos rins (glomérulos) ou das vias urinárias. Porém, pode ser ainda tumor, nefrite, tuberculose ou hepatite.

Rosa e vermelho = infecção bacteriana
Urina vermelha, em geral, é sinal de sangramento nas vias urinárias e pode indicar infecção no trato urinário, com a colonização de micro-organismos entre uretra, bexiga, ureter e rins.

Roxo = infecção bacteriana
Uma urina arroxeada também pode ser ocasionada por infecção no trato urinário, porém, nesse caso, por bactérias que alcalinizam a urina, como a Providencia stuartii, Klebsiella pneumoniae, Pseudomonas aeruginosa, Escherichia coli ou Enterococcus, e é mais comum em pessoas em situação de internação e uso de sonda.

Azul = infecção bacteriana
Possui as mesmas causas que ocasionam a cor verde (vejam abaixo). Porém, pode ser proveniente da doença metabólica congênita chamada popularmente de síndrome da fralda azul.

Verde = infecção bacteriana
É comum após a ingestão de corantes usados em testes diagnósticos ou como tratamento da doença metemoglobinemia. Pode-se dar também por infecção urinária pela bactéria Pseudomonas aeruginosa, em pessoas cujo o sistema imunológico esteja instável.

Preta ou marrom escura = Alcaptonúria
Uma urina preta pode ser causada por uma doença genética rara chamada de Alcaptonúria, que se caracteriza pela oxidação incompleta da fenilalanina e da tirosina, resultando na excreção de alcaptona (ácido homogentísico) pela urina.

Gente, espero que tenha ajudado vocês! Beijocas!

Fonte: BlogDaMimis



Gostou ? Compartilhe !



VOLTAR